90FM - FACE 01

Vídeo: Trio mata taxista de Ribas, abandona corpo em mata e acaba preso em hotel de Campo Grande

Taxista foi assassinado a tiros e corpo deixado em mata

Por Thatiana Melo em 13/06/2024 às 10:36:41

Taxista havia desaparecido

TrĂȘs foram preso pelo assassinato do taxista Devanir da Silva Santos, de 52 anos, em Ribas do Rio Pardo, nesta quinta-feira (13). Os criminosos foram presos em um hotel na Avenida Afonso Pena, na Capital. O latrocĂ­nio foi cometido na quarta-feira (12).

O taxista desapareceu na terça (11) junto de seu veĂ­culo Corolla. Os amigos divulgaram seu sumiço em redes sociais. Logo depois, foi descoberto pela polĂ­cia que o taxista havia sido assassinado. Policiais do Garras ( Delegacia Especializada de Repressão a Roubos a Bancos, Assaltos e Sequestro) identificaram trĂȘs autores do crime.

Em diligĂȘncias, os policiais descobriram que o trio havia fugido para Campo Grande, sendo uma localização no bairro Santa Dorotheia, onde foi deixado o Corolla do taxista. Depois de abandonarem o carro, o trio se escondeu em um hotel situado na Avenida Afonso Pena. No hotel, os policiais encontraram um dos autores de 35 anos.

No quarto onde o criminoso foi encontrado, os policiais localizaram um revólver calibre .38 escondido embaixo de um dos colchões, com uma munição. Após a prisão, os policiais retornaram para Ribas do Rio Pardo para tentar localizar o restante dos criminosos, sendo que foi descoberta a fuga.

Em Ribas do Rio Pardo, no bairro Estoril, outro criminoso de 28 anos, foi preso em sua casa. Com ele foi encontrada uma munição calibre .38, com as mesmas caracterĂ­sticas da munição apreendida no revólver encontrado no hotel.

Após isto, as diligĂȘncias seguiram no sentido de localizar o Ășltimo suspeito. Foi então que os policiais receberam a informação de que o criminoso havia retornado ao hotel na Avenida Afonso Pena. Mas, o autor de 24 anos foi preso em uma pousada no bairro UniversitĂĄrio.

Depois da prisão, os autores indicaram o local onde estava o corpo do taxista. Foi feita varredura na ĂĄrea de mata próxima ao local provĂĄvel do crime, onde foi localizado, o corpo do taxista assassinado a tiros.

O veĂ­culo Corolla do taxista foi recuperado e o trio levado para a delegacia. Foi representada pela pela conversão da prisão em flagrante dos suspeitos em prisão preventiva. Eles deverão passar por audiĂȘncia de custódia.

Entrevista com DrÂșÂŽ Felipe Braga sobre sobre o Trio que matou taxista de Ribas do Rio Pardo


Fonte: Midiamax

Comunicar erro
ALERTA GRANDE

ComentĂĄrios

Anuncie 3