Câmara aprova urgência para votação do fim de licença ambiental para eucalipto

Mato Grosso do Sul abriga os quatro maiores municípios produtores de eucalipto do país

Por Kamila Alcântara e José Roberto dos Santos em 08/05/2024 às 18:29:17

Há pouco mais de 1,28 milhão de hectares de eucalipto cultivados em 72 municípios (Foto: divulgação)

Por 325 votos contra 128, foi aprovado na Câmara dos Deputados autorização para votar em regime de urg√™ncia o projeto de lei que exclui a silvicultura da lista de atividades consideradas potencialmente poluidoras e utilizadoras de recursos ambientais. O objetivo é ajudar a recuperação econômica do Rio Grande do Sul, mas Mato Grosso do Sul ser√° o maior benefici√°rio caso a proposta passe, j√° que abriga os quatro maiores municípios produtores de eucalipto do país.

Votada na última terça-feira (7), a proposta pode alterar a Política Nacional do Meio Ambiente (Lei 6.938/1981). O projeto gera diverg√™ncia entre grupos do agronegócio e ambientalistas porque permite dispensar o licenciamento ambiental prévio para atividades da silvicultura.

De acordo com o artigo 10 da Lei 6.938, que instituiu a Política Nacional de Meio Ambiente, tal licenciamento é exigido de negócios "utilizadores de recursos ambientais, efetiva ou potencialmente poluidores".

De cinco municípios brasileiros com as maiores √°reas de florestas de eucalipto plantadas quatro estão em MS: Tr√™s Lagoas, Ribas do Rio Pardo, Brasilândia e √Āgua Clara. H√° pouco mais de 1,28 milhão de hectares de eucalipto cultivados em 72 municípios.

A maior concentração de √°reas est√° na Costa Leste de Mato Grosso do Sul. Tr√™s Lagoas é o município que apresenta maior √°rea plantada, respondendo por 22,2%, seguido de Ribas do Rio Pardo e Brasilândia, com 21,7% e 11%, respectivamente.

Com uma demanda mundial cada vez mais aquecida, a previsão da Reflore-MS, feita ano passado, é de que até 2030 o Estado tenha 2 milhões de hectares de florestas plantadas. O cultivo de florestas no Estado permitiu a recuperação de 1 milhão de hectares, degradadas ou não.

Além de ser sustent√°vel e beneficiar o meio ambiente com a absorção de g√°s carbônico, nenhuma outra atividade gera mais empregos que a cadeia produtiva da floresta plantada. Na conta da Reflore, a cadeia gera um emprego para cada 10 hectares plantados.

Fonte: Campo Grande News

Comunicar erro
90FM - FACE 01

Coment√°rios

ALERTA GRANDE
Suzano - Agente do Bem 04 - Mulher Ind